Mensagens de Deus

SERtão de Deus

Mensagens de Vida

Mensagem de Poder

Compartilhe em suas redes sociais :
icone facebook icone twitter icone gplus icone whatsapp


QUANDO ABRIR A BOCA, FAÇA-O COM GOSTO


Temos que vigiar e orar, pedindo a Deus que Ele nos conceda firmeza ao falarmos, para que ao abrirmos a boca estejamos glorificando Seu nome e não o nosso.

Devemos ter cuidado até mesmo ao abrirmos a boca para contarmos um testemunho. É bom examinarmos se o que nos motiva a compartilharmos nossa experiência com Deus visa buscar popularidade pessoal ou se é para darmos glória ao Senhor Jesus. Também, devemos sondar em espírito se aqueles que nos ouvirão têm maturidade para entender que o que estamos relatando é para louvar a Deus e não a nós mesmos. É uma linha finíssima que separa essas duas situações e só pode ser identificada no coração do homem pelo Espírito Santo, de maneira que a vigilância do cristão sobre sua própria conduta há de ser sempre dobrada, principalmente quando falamos. Vejamos o que está escrito a seguir:

“Quem fala de si mesmo busca a sua própria glória, mas o que busca a glória daquele que o enviou, esse é verdadeiro, e não há nele injustiça” (João 7.18 | ARC).

Através do versículo acima aprendemos que “o que busca a glória daquele que o enviou, esse é verdadeiro”. Ora, se esse é verdadeiro por buscar a glória do Senhor, por entendimento aquele que busca a sua própria glória não é verdadeiro; “quem fala de si mesmo busca a sua própria glória”, é um enganador, porque está escrito: “Realmente, foi Deus quem fez todas as coisas. Por Deus e para Deus tudo continua a existir. A Deus seja sempre dada toda a glória. Amém” (Romanos 11.36 | VFL). Toda a glória seja dada a Deus, não a mim nem a você.

Para os que não se humilham aos pés do Senhor ou os que não são quebrantados, isso é muito difícil, porque não querem perder a oportunidade de receber elogios; desejam ter seus egos massageados, como o mundo fala, mas o Senhor diz: “Eu sou o Senhor; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei” (Isaías 42.8 | ARC). Está decidido; o Senhor não dá a glória dEle às pessoas. Já vimos que toda a glória pertence a Deus; quem tenta roubar para si é salteador.

Desse modo, quando abrir a boca, faça-o com gosto para glorificar o Senhor Jesus, para honrar a Deus. Aleluia!

Na alegria do Senhor, que é a nossa força,
Abdias Campos, servo do Deus vivo




QUANDO ABRIR A BOCA, FAÇA-O COM GOSTO