Mensagens de Deus

SERtão de Deus

Mensagens de Vida

Mensagem de Poder

Compartilhe em suas redes sociais :
icone facebook icone twitter icone gplus icone whatsapp


CUIDADO AO ABRIR A BOCA


Nem eu nem você nem ninguém quer ter perturbação hora alguma; pelo contrário, desejamos a brisa mansa da paz arejando a nossa vida 24 horas por dia. Devemos saber que isso está ao nosso alcance, desde que obedeçamos aos ensinamentos divinos, os quais jamais falharão.

“O que guarda a sua boca conserva a sua alma, mas o que muito abre os lábios tem perturbação” (Provérbios 13.3 | ARC).

No finalzinho do versículo acima, está dito: “o que muito abre os lábios tem perturbação”. Leia e releia com atenção esta frase: “o que muito abre os lábios tem perturbação”. Examine-se a si mesmo, reflita e verifique se a inquietação ou a aflição, a tristeza ou o desânimo, o embaraço ou o desgosto, que de vez em quando o toma por completo, tem a ver com algo que você falou para uma ou muitas pessoas. “O que muito abre os lábios tem perturbação.” O que não para de falar, o que não mede as palavras, o que conta toda a sua vida para todos, o que fofoca, o que fala mal das pessoas, o que acusa, julga e condena na mesma frase, o que agride com a língua, o que inventa histórias enganosas, o que exalta a si mesmo TEM PERTURBAÇÃO.

A primeira parte do versículo diz: “O que guarda a sua boca conserva a sua alma”. Então, precisamos guardar a nossa boca e com tal segurança que a nossa alma, ou seja, a nossa vida, possa ser conservada e jamais levada à perturbação. Isso só é possível se guardarmos a nossa boca, o nosso falar, na Palavra de Deus.

Como guardaremos a nossa boca na Palavra de Deus? No livro de 1Pedro, é-nos dada a reposta: “Se alguém falar, fale segundo as palavras de Deus” (1Pedro 4.11 | ARC). Guardamos a nossa boca na Palavra, quando falamos segundo as palavras de Deus.

Todos nós falamos, passamos o dia nos comunicando com as outras pessoas nas mais diversas áreas da nossa vida. Falamos com os membros da nossa família desde o acordar, com os colegas de trabalho ou de escola, com os prestadores de serviços ou a quem prestamos serviços, com as pessoas conhecidas e as desconhecidas, por diversos lugares onde passamos e diante de diversas circunstâncias – hora agradáveis, hora desagradáveis, às vezes em momentos descontraídos, noutros sob pressão. Bem, não importa,  todo o nosso falar, em todas as circunstâncias, tem que ser “segundo as palavras de Deus”, para que a nossa vida seja conservada, não desfaleçamos em nosso ânimo e não sejamos destruídos por perturbações.

A receita é de Deus; é só segui-la à risca e se obterá exatamente o que ela diz. Guarde a sua boca de falar o que não vem de Deus e será muitíssimo feliz. Fale o que o Senhor lhe dá a falar e terá muitíssima paz. Guarde-se no Senhor. Amém. Glória a Jesus Cristo, o Senhor e Salvador da vida.

Na alegria do Senhor, que é a nossa força,
Abdias Campos, servo do Deus vivo




CUIDADO AO ABRIR A BOCA