Mensagens de Deus

SERtão de Deus

Mensagens de Vida

Mensagem de Poder

Compartilhe em suas redes sociais :
icone facebook icone twitter icone gplus icone whatsapp


CONQUISTA VERDADEIRA, ALEGRIA ETERNA!


Em Eclesiastes 2.4-10 (ARC), observamos uma lista de conquistas do homem debaixo do sol, obras magníficas de suas mãos, motivo de alegria e satisfação pessoal por possuí-las.

Contemplando-as, o homem declara: “Eu as fiz para mim”, e sai pontuando uma a uma: “Edifiquei casas; plantei vinhas, hortas e jardins, árvore de toda espécie de fruto; construí tanques de água para irrigação; adquiri servos e servas; tive possessão de vacas e ovelhas; amontoei prata, ouro e jóias; provi-me de cantores e cantoras e de instrumentos musicais; abasteci-me das delícias dos filhos dos homens”.

O coração dele se alegrou, sobremaneira, ao ver o que havia conquistado. Assim, de igual modo, é aquele que procura realizar o que lhe dá prazer pessoal e notoriedade diante dos homens pelos bens que adquire.

Contudo, continuando a contemplação sobre suas conquistas, o homem se depara com a seguinte reflexão:

“E olhei eu para todas as obras que fizeram as minhas mãos, como também para o trabalho que eu, trabalhando, tinha feito; e eis que tudo era vaidade e aflição de espírito e que proveito nenhum havia debaixo do sol” (Eclesiastes 2.11 ARC).

Comumente, esse é o resultado a que se chega. Olhamos para as nossas conquistas e identificamos nelas uma trajetória completa de aflição de espírito. Lembramos que, por muito tempo, lambemos o chão da hipocrisia e da mentira para assentarmos no trono da vaidade e do engano. Identificamos, ainda, que tudo o que estávamos produzindo era por pura vaidade. E concluímos que, na terra, no mundo dos homens, proveito nenhum há debaixo do sol.

Quantas pessoas vendem a alma ao diabo para alcançar riquezas e falsa importância social. Ao final, porém, observam que nada valeu a pena e que a colheita, referente à semeadura, foi dor e aflição de espírito.

A Bíblia nos instrui a olharmos para as coisas do alto, as que vêm dos céus, que descem do trono de Deus e que nos são entregues pela Sua Palavra abençoadora.

“Eu sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente; nada se lhe deve acrescentar e nada se lhe deve tirar. E isso faz Deus para que haja temor diante dele” (Eclesiastes 3.14 ARC).

O que Deus faz dura eternamente, e a bênção do Senhor é que enriquece e não acrescenta dores (Provérbios 10.22). A Palavra é completa em tudo; não falta nem passa. O que o homem faz sem o Senhor Jesus é de pouca duração e de grande aflição de espírito.

Devemos respeitar a Deus, obedecendo a tudo o que Ele nos disser pela Palavra, porque tudo o que o Senhor nos dá é para nós, causa de grande alegria, do principio ao fim.

Na alegria do Senhor, que é a nossa força,
Abdias Campos, servo do Deus vivo




CONQUISTA VERDADEIRA, ALEGRIA ETERNA!